instrumentos

Ao longo dos anos desenhei e construí uma grande quantidade de instrumentos musicais variados. Alguns se consolidaram numa linha de instrumentos pedagógicos e terapêuticos da marca OuvirAtivo e hoje são comercializados pela pela empresa PulsandoSom (www.pulsandosom.com.br). Abaixo podem ser vistos alguns instrumentos de uso pessoal e projetos de instalações sonoras.


viola de leque

instrumento de arco bastante simples com duas cordas afinads em 5as. Utiliza como membrana de ressonância um leque de papel.

Ouvir Viola de Leque


saltério de arco

O Saltério é um instrumento de origem medieval, possuindo um variado número de cordas montadas sobre uma caixa acústica de madeira. Nosso Saltério é uma recriação em pinho (Araucária) entalhado, deste antigo instrumento. Ele possui 15 cordas abrangendo diatonicamente duas oitavas, nas versões Contralto, Tenor e Baixo. É possível facilmente alterar a afinação das cordas e assim obter diversos modos e escalas.

Ele pode ser tocado com o dedo (como uma lira), percutido com baquetas e tangido com o arco.


recoleque

Um leque de papel, um tronco de eucalipto e 9 barras de ferro formam este instrumento que é um mixto de reco-reco com Kalimba percutida.

Ouvir Recoleque


orquestra mágica

Parque Sonoro do SESC – Itaquera – São Paulo / SP

Em outubro de 1994 foi inaugurado na área do SESC – Itaquera – SP, um projeto inovador: um playground musical! Uma orquestra para brincar e tocar. A Orquestra Mágica, como foi batizada, chama a atenção pela dimensão de seus componentes. Compõe-se de 16 tipos básicos de brinquedos que mimetizam ou reinventam instrumentos musicais utilizados em sinfônicas, como a flauta, o violino, a trompa, os sinos;instrumentos menos conhecidos como a trompa dos Alpes e populares como os tambores do Caribe.

Coube a Marcelo S. Petraglia a tarefa de produzir os grandes instrumentos de percussão de metal:Gongos e Tam Tams que foram instalados no Trepa Trapa das Percussões.

Todos os instrumentos podem ser tocados ao mesmo tempo. Uma animada improvisação musical que ressoa em quase todo o centro de lazer. O conjunto está afinado na escala pentatônica, possibilitando produzir sempre contextos sonoros harônicos. Além de emitir sons, os instrumentos podem ser escalados e penetrados; funcionam também como escoregadores, abrigos e labirintos. Mesmo os adultos nào resistem e entram na brincadeira.


orquestra de papel

SESC Belenzinho, São Paulo – SP

A Orquestra de Papel foi desenvolvida para compor um dos núcleos do evento “Brincadeiras de Papel” realizado pelo SESC – Belenzinho entre Agosto e Novembro de 2001 e posteriormente levado para a inauguraçào da unidade do SESC – Santo André em Março de 2002. A idéia original do projeto de autoria de Beto Paiva e Ângela Barbosa, exigia que todos os componetes fossem feitos de papel. Nosso grande desafio foi construir instrumentos músicais que realmente funcionassem e ao mesmo tempo resistissem ao grande número de visitantes da mostra.

Projetamos a Orquestra e convidamos a oficina de Abel Vargas para dividir a execução. Ela se compunha dos seguintes instrumentos, veja as fotos abaixo:


móbile sonoro 1

móbile sonoro feito com placas de ferro em formas geométricas. As placas são tocadas com uma baqueta e podem girar livremente fazendo com que o som se movimente no espaço.


metalofone

Grande Metalofone com teclas de ferro forjado, com 3 oitavas (F3 ao F6). Possui tubos de ressonância para amplificar o som das teclas.

Ouvir: Botânica Musical – Folhas
Metalofone a 4 mãos por Saulo Camargo e Marcelo S. Petraglia


mesa lira

_

Mesa Lira

A Mesa Lira, também conhecida como “Monochord Table”, é uma ferramenta terapêutica inovadora e de grande poder. Sua criação e utilização terapêutica é creditada ao musicoterapeuta suíço Joachim Marz em 1989 (www.naturtonmusik.ch). No brasil ela foi introduzida por Marcelo S. Petraglia em 2002 após ter tido contato com o instrumento em um curso com Fabien Maman (www.tama-do.com).

A Mesa Lira é uma grande caixa de ressonância, suspensa por pés de madeira, em baixo da qual correm 42 cordas de aço montadas sobre dois cavaletes nas extremidades, todas afinadas no mesmo tom. Dedilhando as cordas de modo contínuo, obtém-se um rico campo sonoro. Variando-se a velocidade e intensidade ao tocar pode-se realçar e voluntariamente compor o poderoso espectro de harmônicos que ela produz. O paciente ao deitar-se sobre a Mesa, recebe uma massagem sonora, pois o som e as vibrações são percebidas tanto através dos ouvidos, como diretamente em todo o corpo através do tampo de ressonância. Isso pode leva-lo a um estado de relaxamento profundo e realinhamento energético. Pesquisas estão sendo conduzidas por diversos terapeutas em vários paises para fundamentar sua atuação e indicações em tratamentos.

Atualmente este instrumento é produzido e comercializado pela empresa PulsandoSom (www.pulsandosom.com.br)


kântele pentatônico

Ouvir Kântele

O Kântele é um instrumento da familia das liras e é composto de um jogo de cordas montadas sobre uma uma caixa acústica de madeira. Com seu tom aconchegante e fácil técnica de execução, ele é uma excelente ferramenta pedagógica e pode ser usado para acompanhar o canto, criar ambientes sonoros para histórias, improvisar e compor.

O Kântele Pentatônico possui 7 cordas afinadas na escala pentatônica (ré mi sol lá si ré mi). É Indicado para crianças até 8 anos e profissionais da área pedagógica e terapêutica.

Este modelo foi desenhado por Marcelo S. Petraglia em 1994 e originalmente produzido pelas marcas Kântor e OuvirAtivo. Atualmente é produzido e comercializado pela empresa PulsandoSom (www.pulsandosom.com.br)


homem banda

A pedido do Circo Luz ligado à EMATER – Paraná, projetamos e confeccionamos um “Homem Banda” futurista para o projeto Circo da Ciência que apresentou para a rede estadual de ensino, conceitos modernos da física através de um espetáculo circense.

O Homem Banda é composto por 5 diferentes instrumentos vestidos ao corpo por meio de um suspensório de couro, capacete e joelheiras.

Os instrumentos são:
Pratos de joelho
Tambor acionado com o movimento das pernas
Latafone com 5 discos afinados de ferro
Lira de peito
Flauta de harmônicos montada sobre a cabeça.


flexabau

O Flexabau é um berimbau fexível.
Possui duas cordas afinadas no mesmo tom que podem ser percutidas, dedilhadas ou tocadas com um arco. Dois pedais controlam a tensão das cordas que pode ser alterada durante a execução possibilitando a variação da afinação, vibratos e muitos outros efeitos.

O instrumento usa como membrana de ressonância um conjunto de discos de metal e um leque de papel.

Flexabau


Comentários estão encerrados.